METODOLOGIA

1)  Cada aluno recebe no primeiro dia de curso todo o material necessário para a realização de uma avaliação grafológica

2)  Dentro deste material didático, temos uma apostila. Esta apostila será a referência que o aluno precisa para aprender a identificar os sinais gráficos,  pois cada sinal gráfico é descrito de maneira detalhada. Além disso, existe espaço em branco ao longo da apostila reservado para que o aluno escreva e desenhe de próprio pulso os sinais que ele identificará nas outras grafias.

3)  Porque o aluno desenha os sinais gráficos de próprio pulso, não seria mais simples copiar os dados e trazer pronto na apostila?
R: Seria mais simples, porém menos eficaz. Normalmente a pessoa tem muita dificuldade de aprender grafologia sozinho, apenas com o auxílio de livros. Um dos motivos é a dificuldade de identificação dos sinais gráficos. Quando o aluno lê a explicação, ouve os comentários e as observações do professor, e executa os traços, ele tem três vias de acesso sobre o mesmo tema. Fazer o traço é imprescindível pois o mais importante em grafologia é o movimento gráfico. Ao fazer o traço o aluno terá a possibilidade de sentir a dificuldade do traço e ficará mais fácil de reconhecer este traço posteriormente quando ele aparecer em um texto que ele estará avaliando.

4)  Em cada aula o aluno aprenderá um número "x" de sinais gráficos. Como nós trabalhamos com uma aula por semana, o aluno terá a oportunidade de "treinar" durante a semana aqueles traços específicos.
Cada aluno receberá um material de avaliação para que ele possa corrigir em casa. E os resultados dessas avaliações que o aluno estará fazendo ao longo da semana estarão dispostas nesta "home page" semanalmente. Assim o aluno corrige os testes é já vai para a próxima aula com as possíveis dúvidas já preparadas. Assim ele pode aferir o seu conhecimento aula-a-aula, não correndo o risco que chegar ao final do curso com dúvidas acumuladas sobre pontos dados no início do curso.

5)  Cada item é estudado passo-a-passo, onde o aluno sempre terá espaço para interromper a aula e tirar as suas dúvidas. Em grafologia trabalhamos com muitos detalhes, temos o uso de instrumentos assim como esquadro, transferidor, conta-fios, etc...  Um princípio básico que nós temos é que a aluno não saiba nada de grafologia e nada sobre os instrumentos utilizados em avaliação de grafologia, ou seja, tudo será explicado item-por-item.

6)  Turmas pequenas !!!
Seria muito difícil utilizar a nossa metodologia em turmas com um número muito grande de alunos. Em geral trabalhamos com turmas que variam entre 14 e no máximo 23 alunos.

7)  Os alunos terão um espaço em cada aula para trazerem grafias de seu trabalho (principalmente os alunos que trabalham em empresas que já utilizem a grafologia com instrumento de avaliação) ou de outras fontes.
Estas grafias serão discutidas em grupo ou individualmente para que o aluno conheça cada vez mais sobre grafologia ou sobre as suas possibilidades e limitações

8)  No curso o aluno receberá orientação sobre elaboração de laudos grafológicos, onde o professor trará vários modelos de laudos prontos, tanto da área clínica, quanto da área de R.H. e também laudos grafológicos utilizados em orientação vocacional de adultos e de autoconhecimento. Não adianta o aluno saber fazer o levantamento de dados se ele não conseguir sintetizar estes dados em forma de laudo.

9)  Ao final do curso cada aluno terá feito duas avaliações completas. Entenda uma avaliação completa como:
- Identificação dos sinais gráficos
- Correspondência psicológica de cada sinal gráfico
- Síntese e avaliação qualitativa dos dados levantados
- Elaboração do Laudo Grafológico.

 

(Exemplos de Sinais Gráficos: margem direita do texto, margem esquerda, pressão da grafia, velocidade, forma de excussão, distância entre palavras, distância entre linhas, etc...)

 

Nosso site:    www.grafologia-sp.com.br